6 exercícios que ajudam a melhorar a respiração

exercícios para melhorar a respiração
6 minutos para ler

A respiração é um processo muito importante para o corpo, afinal, é por meio dela que conseguimos captar o oxigênio e levá-lo para a nossa corrente sanguínea, ao mesmo tempo em que expelimos o gás carbônico.

Neste texto, você conhecerá alguns exercícios para melhorar a respiração e que ainda vão promover momentos de relaxamento, capazes de proporcionar bem-estar mental e físico, e você pode fazer os exercícios em casa. Para isso, confira o conteúdo e saiba como executar tais práticas!

Conheça 6 exercícios que ajudam a melhorar a respiração

Agora, veja alguns exercícios para melhorar a respiração e fortalecer os seus pulmões. Além disso, eles têm ação relaxante, o que é ótimo para reduzir os sintomas de ansiedade e estresse, entre outros benefícios.

1. Sinta a respiração

O primeiro exercício é começar a sentir o seu processo de respiração. Inicialmente, faça isso de forma inconsciente, depois, contando a sua respiração e realizando-a de maneira manual e lentamente.

  1. Primeiro passo: feche os olhos e deixe a respiração fluir naturalmente, evitando desligar a “respiração automática”.
  2. Segundo passo: conte quantas respirações inconscientes você fez em 10 segundos.
  3. Terceiro passo: respire novamente, porém, de modo manual e devagar. Inspire profundamente por 2 ou 3 segundos, em seguida, expire por 5 ou 6 segundos, sentindo os movimentos da barriga e da caixa torácica.

2. Conheça a respiração

O segundo item da nossa lista de exercícios para melhorar a respiração é conhecer a sua respiração. Em um primeiro momento, podemos pensar que apenas o pulmão faz todo o trabalho, mas não é bem assim.

Diversas outras partes participam dessa atividade, inclusive a barriga: é ela quem aumenta durante a inspiração, já que os pulmões estão esticados para baixo. Entretanto, existem situações em que os pulmões ficam tetanizados, o que impede a ação dos pulmões, deixando a respiração incompleta. Veja a seguir como conhecer a sua respiração.

  1. Primeiro passo: deite-se no chão.
  2. Segundo passo: coloque uma mão na barriga e outra no peito.
  3. Terceiro passo: observe, enquanto respira, qual das suas mãos é elevada primeiro.

Entender a importância de respirar utilizando o apoio da barriga é importante, principalmente para atletas. Respirar apenas com o uso dos pulmões faz com que ele se canse mais rápido.

3. Adote a respiração consciente e ventral

Por isso, é importante adotar uma respiração correta para que se possa absorver o máximo de oxigênio, além de ter mais resistência durante os seus exercícios.

Assim, uma das maneiras de se fazer isso é por meio da respiração ventral ou visceral, que justamente utiliza a barriga/abdômen para efetuar uma inspiração completa. Confira a seguir como realizá-la.

  1. Primeiro passo: sente-se no chão, encostando-se na parede. Também é possível realizar esse exercício deitado de costas.
  2. Segundo passo: inspire lenta e profundamente pelo nariz.
  3. Terceiro passo: coloque uma mão na barriga e expire pela boca, fazendo com que a barriga entre um pouco no corpo. Você poderá utilizar as mãos para empurrá-la um pouco.
  4. Quarto passo: inspire pelo nariz, enchendo de ar apenas o abdômen.
  5. Quinto passo: expire lentamente por meio da boca. É essencial que a expiração seja mais devagar que a inspiração.
  6. Sexto passo: repita o procedimento três vezes.

4. Aumente a capacidade respiratória

É muito importante praticar tais exercícios com frequência. Com eles, você poderá aumentar a sua capacidade respiratória, conseguindo realizar essa atividade de maneira muito melhor, o que trará benefícios para a sua vida.

Além de otimizar os seus desempenhos durante os treinos, a respiração é bastante relaxante, podendo auxiliar na redução do estresse ou amenizar crises de ansiedade e ataques de pânico.

Além de praticar tais exercícios de respiração, também é possível se utilizar de algumas atividades que demandam uma boa respiração, como a yoga, Tai chi chuan, Qigong, relaxamento e até atividades físicas mais tradicionais, como uma caminhada.

Assim, você consegue se manter saudável física e mentalmente, ter um melhor estilo de vida e diminuir dores lombares e as chances de problemas cardiovasculares, pois hipertensão e atividade física, por exemplo, têm relação direta.

5. Faça a respiração fracionada

Esse tipo de exercício de respiração é indicado para pessoas que tenham acima de 70 anos, sendo uma respiração nasal curta, suave e pausada. Para realizá-la, é muito simples:

  1. Primeiro passo: com um bastão, inicia-se o movimento na altura do peito.
  2. Segundo passo: deixe-o a 45ºc.
  3. Terceiro passo: mantenha os braços no alto.

É importante inspirar sempre em cada movimento e em cada estágio. Além disso, ao concluir o movimento, a expiração deve ser solta pela boca, até sentir que os seus pulmões estão vazios.

6. Realize a respiração abreviada

Para efetuar a respiração abreviada, inspire aos poucos, enchendo os pulmões de ar e soltando apenas um pouco dele. A inspiração precisa ser mais longa do que a expiração.

Faça isso até sentir os pulmões completamente cheios, em seguida, pode liberar todo o ar. Repita o procedimento pelo menos 8 vezes para receber todos as vantagens dessa técnica.

Bônus: respirar ao ar livre

A natureza oferece diversos benefícios para o nosso corpo. Por tal motivo, reserve um período para respirar ao ar livre, seja em um parque, seja até mesmo no quintal de casa. Desse modo, você se reconecta com o meio ambiente e desfruta de um momento relaxante.

Complementar a isso, entre os meses de maio e setembro, o ar passa por um período em que a sua umidade baixa consideravelmente, o que pode causar consequências negativas para o nosso corpo, como a dificuldade em respirar.

Por esse motivo, é necessário se atentar à importância do exercício físico, de sair de casa e da hidratação, além de utilizar um umidificador de ar ao dormir ou ficar na residência para não sentir as consequências da baixa umidade.

Viu como os exercícios para melhorar a respiração contribuem com a sua saúde de diferentes maneiras? Coloque-os em prática de forma regular e, com certeza, verá resultados bastante positivos.

Gostou do texto? Então compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas possam se beneficiar dessas técnicas tão importantes para o relaxamento e funcionamento do nosso corpo!

Você também pode gostar

Deixe um comentário